Drª Míria de Amorim

Nos últimos trinta anos como médica e mestre em Saúde Coletiva pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e especialista em homeopatia pelo Instituto Hahnemanniano do Brasil, dediquei-me ao desenvolvimento de uma metodologia capaz de agregar em sua essência uma visão integrativa da vida.

Nos meados dos anos 80, junto de um grupo de profissionais capacitados, iniciamos os estudos sobre a homeopatia, processo que resultou na possibilidade de vislumbrar um novo olhar sobre a energia vital. Esse mergulho levava para um conceito mais amplo que englobaria a ideia de uma matriz de vida, de onde emanariam todas as probabilidades, em todos os domínios da existência, na certeza de que sistemas vivos estão envolvidos, interagindo entre si e com o meio através de campos de energia – biocampo.

Para tanto, contei ao longo dessa caminhada com um grupo de médicos estudiosos e dedicados que voluntariamente se propuseram a construir de forma participativa os alicerces teórico-práticos do conhecimento sobre auto-organização do biocampo, entendendo qualquer organismo vivo como um sistema auto-organizador.

Na sequência desse trabalho foi construído um perfil epistemológico pautado em estudos das ressonâncias dos padrões de auto-organização do biocampo, capazes de gerar saúde e qualidade de vida para as esferas humana, animal e vegetal.

Simpósios e Jornadas Integrativas estão sendo promovidos nesses últimos anos com o objetivo de compartilhar e ampliar os trabalhos científicos na área médica, médico-veterinária e ambiental.

Colunistas Convidados